Celebridades

US$10,1 milhões: vendida a camisa da última final de Michael Jordan

today16 de setembro de 2022 16

Fundo
share close

Quebrando o recorde de valores pagos em peças raras do mundo esportivo, a camisa usada pela lenda do basquete Michael Jordan no primeiro jogo das Finais da NBA de 1998, foi vendida em um leilão da Sotheby’s por US$10,1 milhões.

Isso mesmo que você leu!

A camisa é o item “Jordan” mais caro já vendido, superando até mesmo um cartão autografado que foi vendido por US$ 2,7 milhões. A Sotheby’s esperava uma oferta vencedora de até US$ 5 milhões, mas 20 ofertas levaram o preço dobrando a estimativa.

“Nas semanas desde que anunciamos o leilão, houve uma empolgação palpável não apenas dos fãs de esportes, mas também de colecionadores que estão ansiosos para possuir uma peça rara da história”, disse Brahm Wachter, chefe de moda urbana e colecionáveis modernos da Sotheby’s.

“Além disso, o resultado recorde da venda da camisa de hoje solidifica Michael Jordan como o indiscutível melhor de todos os tempos. Portanto, seu nome e legado incomparável seguem muito relevantes.”

Jordan usou a camisa a caminho de seu sexto campeonato da NBA com o Chicago Bulls, os dois minutos decisivos das Finais de 1998 da NBA que acabaram com arremesso de Michael Jordan ficou conhecido como “The Last Shot”. Na época, foram as finais mais assistidas da história. Os espectadores do mundo todo estavam super ligados esperando o último jogo da lenda com nomes como Phil Jackson, Steve Kerr, Dennis Rodman e Scottie Pippen. No dia, os Bulls perderam o jogo que contou com essa camisa de US$10,1 milhões, apesar dos 33 pontos de Jordan. O jogo foi em Utah e os Bulls vestiram suas icônicas camisas vermelhas fora de casa. 

Já a camisa foi batizada de “Last Dance” em homenagem ao documentário feito pela ESPN e a Netflix, que conta a jornada de Jordan e os Bulls na busca pelo sexto título da NBA.

No início deste ano, uma camisa usada por Diego Maradona quando ele marcou o controverso gol “Mão de Deus” contra a Inglaterra na Copa do Mundo de 1986, foi vendida por US$ 9,3 milhões, o que já é um valor exorbitante! 

A Sotheby’s relatou “uma nova geração de colecionadores” ao anunciar a venda da camisa de Jordan. Além de colecionáveis físicos, a casa de leilões com sede em Nova York pressionou para se modernizar, leiloar NFTs e até mesmo se orgulhar de sua própria localização no metaverso.

Written by: spotbraziladmin

Rate it

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *


0%